Sextrilha
   Me foi pedido que escrevesse qual eu achava o melhor percurso feito na Sextrilha durante o ano de 2007.
   Bom, quando pensei em iniciar a pedalar, me convidaram para o PCS Light, cujo percurso seria subir o Acesso Grasel (para iniciar...). Desde quando isto é light? Para iniciantes sem experiência e sem preparo físico?
   Tanto reclamei que foi criada a Sextrilha, que inicialmente foi chamada de "Lentrilha",
passeio realizado as sextas-feiras à tardinha (no horário de verão), com trajetos curtos e mais planos, inclusive possibilitando a participação de crianças.
   No primeiro passeio fomos até as Cucas Helfer, na Arroio Grande. Gostei do percurso, é fácil e com belas paisagens. foi o recorde de participantes, depois o número foi diminuindo.
   No segundo, fomos para o mesmo lado, mas, com bike nova, fui desafiada a subir a primeira lomba que vem em seguida. Foi difícil, mas consegui (já subi mais umas 3 vezes).
   Na próxima fomos para o lado do Distrito Industrial e Dona Carlota. Também é um caminho fácil, com subidas amenas. Gostei de conhecer Dona Carlota.
   Teve aquele outro percurso que na Barão do Arroio Grande dobramos a direita numa subida longa mas suave, vindo depois outra subida mais íngreme que termina na Ultravarp, mas como já estava escuro e não enxergava nada na minha frente, fui indo e consegui vencer mais este obstáculo.
   Tiveram ainda outros caminhos, alguns já conhecidos, outros não, uns mais difíceis, outros fáceis.
   Penso que meu caminho preferido seja sempre o próximo, pois adoro conhecer novos lugares, caminhos, paisagens e pessoas. Também gosto de novos desafios, e de ver que sou capaz de superá-los.
   Mas o melhor da Sextrilha é que tu estas super cansado da semana de trabalho, está aquele calorão, tu ficas na dúvida se vais ou se joga no sofá, mas a sensação de bem estar, de leveza que sentes ao final do passeio é muito gratificante! Vale a pena um pequeno esforço para sair de casa, e depois sentir o vento batendo contra teu rosto, e o corpo todo, numa descida (não tão íngreme!), levando para longe todo o cansaço. o stress, os problemas!
   É muito bom!!!
                                                                         Marilia Richter
                                                                                          
                                                                                               Janeiro 2008.